Coloridas, com sol, árvores, arco-íris, flores, corações e outros elementos, as telas produzidas por colaboradores da Sicredi União PR/SP encantam e expressam sentimentos. O trabalho pode ser conferido até 3 de dezembro na agência de Paranavaí e é resultado de uma oficina online de pintura em tela, após cada colaborador receber o material em casa.

As telas que deram origem à exposição Pintando as Emoções foram produzidas por 32 colaboradores com deficiência intelectual, que ficam nas Apaes de Maringá e Nova Esperança, nas agências e na sede da cooperativa, mas que precisaram ficar em isolamento em casa por meses, devido à pandemia. Todos têm registro em carteira e fazem parte de um programa que garante emprego, renda e inserção.

Gabriely Pasquini, da Apae de Nova Esperança, não esconde o orgulho de participar da exposição. “Eu nunca tinha pintado em tela, e este quadro é meu sonho”, fala emocionada.

Abaixo de cada tela há um cartão em que o colaborador explica seu trabalho e o sentimento naquele momento. A exposição foi aberta nesta quarta-feira (dia 3) com a participação de associados e diretores da Sicredi União PR/SP.

Para o diretor executivo, Rogério Machado, o programa de inclusão tem servido de modelo e contribuído para que outras empresas possam empregar pessoas com deficiência. A cooperativa também tem aumentado o número de colaboradores ligados à Apae: recentemente o programa foi implantado em Londrina, com 10 contratações, e em breve chegará em Piracicaba, gerando mais 8 empregos. “Não é um produto, serviço ou melhores taxas que tornam a Sicredi União PR/SP diferente, mas momentos como este. Inclusão não é só emprego, mas é o dia a dia das ações na cooperativa”, ressalta.

A exposição já passou por Londrina/PR, Limeira/SP e São João da Boa Vista/SP. Em Paranavaí, ela pode ser conferida na avenida Paraná, 333.

Legenda: Gabriely Pasquini, da Apae de Nova Esperança, produziu uma das telas

Avaliar:

(0)